Se você não sabe abrir um sorriso, não abra uma loja | Palestras Paul&Jack
A mágica que faltava no seu negócio

(11) 3772-6645 / (11) 99157-4556 contato@paulejack.com

Se você não sabe abrir um sorriso, não abra uma loja

Por Paul Friedericks, 07/07/2015 em Vendas

Se você não sabe abrir um sorriso, não abra uma loja

Como diz um ditado chinês: “ Se você não sabe abrir um sorriso, não abra uma loja.” Muito sábia esta citação. Afinal, o sorriso é um ato que abre muitas portas, da alegria, do coração, da gentileza e por aí vai. Mas, por que simplesmente sorrir pode mudar tanta coisa? Principalmente no mundo corporativo?

Estudos mostram que a maioria dos clientes fazem compras baseadas mais em sua conexão emocional com o produto ou empresa do que em uma decisão baseada apenas na lógica e necessidade. Quando aqueles vendedores mágicos são capazes de se relacionar extraordinariamente com seus clientes em um nível mais pessoal, muitas vezes isso se traduz em maiores vendas. E não há dúvida de que uma das melhores maneiras de se mostrar amigável com o seu cliente é por meio de um sorriso.

 

 

Pergunte a si mesmo esta pergunta … e responda com sinceridade: Você sorri ao telefone cada vez que fala com um cliente? E os seus empregados?

A resposta provavelmente é não. Tão fundamental como o sorriso é, é impressionante o número de pessoas que não dão o devido valor a ele. Então, vamos colocar novamente uma pergunta: você tornaria um sorriso prioridade se soubesse que ele se converteria em muitos reais? Provavelmente sim, não é?

Um sorriso é sempre importante para o seu negócio. Para cada cliente que você cumprimentar, sua expressão facial sincera deve dizer: “Eu estou tão contente de vê-lo!”

Estar em qualquer loja ou escritório pela primeira vez pode ser uma experiência desconfortante para qualquer cliente. Este é o seu recinto, não o deles. Eles não estão familiarizados com os produtos e serviços, onde as coisas estão localizadas e com pessoa que eles estão lidando. Eles podem se perguntar se você pode satisfazer as suas necessidades ou se sua empresa é confiável, bem como se só pensa em si mesmo.

Para superar o medo e trepidação que um cliente sente nesse momento, sempre o receba com um sorriso sincero no rosto. Não seja falso com ele. Uma recepção graciosa:

  • Reduz o medo do cliente do desconhecido.
  • Constrói confiança.
  • Faz o seu cliente se sentir bem consigo mesmo.
  • Faz o seu cliente se sentir bem em fazer negócios com você.

 

 

Você pode trabalhar em seu sorriso e usá-lo durante qualquer interação com o cliente:

  • Tenha uma avaliação do seu sorriso.

    Que tal pedir alguém para assistir você se interagindo com um cliente e observar você sorrir quando o encontra? Peça que essa pessoa avalie sua expressão, se é sincera ou não, como o cliente reage, quantas vezes durante a sua apresentação você o fez sorrir e se você poderia ter sorrido mais.

  • Lembre-se de sorrir, sorrir e sorrir! 

    Se você não está sorrindo quando você cumprimenta uma pessoa, faça um esforço consciente para o fazer. Imagine-se cumprimentando um amigo que você não vê há muito tempo, e estava ansioso para ver.

  • Sorria quando fala com os clientes ao telefone. 

    Coloque um pequeno espelho na mesa ao lado do seu telefone com um recado que diz “Sorria”. Isso deve lembrá-lo de sorrir durante as conversas telefônicas com os clientes. As pessoas podem realmente ouvir o seu sorriso – sua voz expressa automaticamente o tom de alguém que é simpático e atencioso. E se for um primeiro ou único contato de tal pessoa com você por telefone, deixe-a com uma grande boa impressão!

Então, você já sabe! Para mudar o seu mundo profissional e levar a sua interação com o seu cliente a um patamar mais elevado e confortável, SORRIA!

 

 

Siga-me no Facebook     Pergunte-me algo via Twitter

Inscreva-se para mais vídeos     Conecte-se com Paul&Jack no Linkedin

Inscreva-se para mais dicas     Conecte-se com Paul&Jack no Google+

 



TODOS OS DIREITOS RESERVADOS – POLÍTICA DE PRIVACIDADE

× Nosso Whatsapp: 11 99157-4556