De nada vale um feedback sem um treinamento | Palestras Paul&Jack
A mágica que faltava no seu negócio

(11) 3772-6645 / (11) 99157-4556 contato@paulejack.com

De nada vale um feedback sem um treinamento

Por Paul Friedericks, 28/10/2015 em Sem categoria

De nada vale um feedback sem um treinamento

Muitos gestores e líderes sentam com os seus funcionários e equipes uma vez por ano para dar um feedback a todos. Nessa época, os funcionários descobrem o que estão fazendo certo ou se existem questões que precisam ser melhoradas. Mas o que acontece nos outros 364 dias do ano?

O feedback é uma abordagem diferente, que deve desenvolver o potencial dos empregados. De nada vale apontar os erros e exigir as melhorias se os funcionários não têm as ferramentas e motivação para mudar o cenário. É aí que entra a importância de um treinamento eficaz. Seja ele de vendas ou motivação, dependendo do objetivo específico de cada equipe e empresa.

Com o treinamento, você fornece à sua equipe a oportunidade de crescer e alcançar o desempenho ideal através de um consistente feedback, aconselhamento e mentoria. Em vez de depender exclusivamente de um cronograma de revisão, você pode apoiar os empregados ao longo do tempo para alcançar suas metas. Quando eles são orientados e treinados, o feedback passa a ser percebido como um roteiro para o sucesso e um benefício. Feito incorretamente, os funcionários podem se sentir repreendidos, desvalorizados ou mesmo punidos.

E a relação de confiança mútua?

A base de qualquer relacionamento entre líder e empregado está enraizada na relação do gestor com o dia a dia com o empregado. Sem qualquer grau de confiança, a realização de um feedback eficaz é impossível.

Provavelmente o passo mais crítico no processo de um feedback seja fazer o empregado concordar que existe um problema de desempenho. E para convencer um empregado que existe um problema de desempenho, o líder deve ser capaz de definir a natureza do problema. Fazer o funcionário reconhecer as consequências de não mudar seu comportamento, mas também oferecer a ele uma oportunidade de mudar. Aqui, novamente, entra a necessidade de um treinamento eficaz.

Tenha o compromisso de agir

Claro, um treinamento é uma arma incrivelmente eficaz para transformar a forma de trabalhar de um empregado. Ela orienta e abre sua mente para habilidades que ele mesmo nem imaginava que pudesse ter. Mas isso não é tomar a decisão por ele. Um grande passo é ajudar o empregado a escolher uma alternativa dentro do que está ao seu alcance. Não faça a escolha para o empregado na hora de ajuda-lo a determinar uma mudança de comportamento. Para realizar este passo, o gerente deve ter certeza de ter um compromisso verbal com ele em relação a que tipo de ação será tomada e quando. Certifique-se de apoiar a escolha e oferecer autonomia ao empregado. 

Um feedback positivo aliado a um treinamento motivacional ou de vendas eficaz fortalece a performance dos empregados. As pessoas naturalmente se sentem capazes quando são reconhecidas e admiradas. Quando o feedback é tratado mal, será uma fonte de atrito e conflito. Quando ele é bem trabalhado, as pessoas vão sentir os efeitos positivos e terão o seu desempenho reforçado.

 

 

Siga-me no Facebook     Pergunte-me algo via Twitter

Inscreva-se para mais vídeos     Conecte-se com Paul&Jack no Linkedin

Inscreva-se para mais dicas     Conecte-se com Paul&Jack no Google+

 



TODOS OS DIREITOS RESERVADOS – POLÍTICA DE PRIVACIDADE

× Nosso Whatsapp: 11 99157-4556